09 agosto 2009

NÃO É POR SENILIDADE NÃO!

O meu empirismo já há muito aí me tinha levado. Sim, a razão não poderia ser outra, mas, acobardado pela reacção de hilaridade que, pela certa, despertaria nas pessoas se o revelasse, tomei a decisão de guardar a descoberta só para mim. Mas agora que mais alguém chegou à mesma conclusão e o plasmou, em letra de forma, num livro de grande tiragem, posso, finalmente, cantar aos quatro ventos que “ […] se com a idade a gente dá para repetir certas histórias, não é por demência senil, é porque certas histórias não param de acontecer em nós até ao fim da vida”.(1) Tomem lá! Sempre que, pela enésima vez, repetir uma história, não voltem a chamar-me gagá, porque na realidade a história não é a mesma, a vossa fraca capacidade de discernimento é que não conseguiu captar as leves nuances.

(1) in leite derramado, Chico Buarque

3 comentários:

as-nunes disse...

Não se esqueçam que a sabedoria dos velhos já tem muitos anos de experiências e resultados comprovados e confirmados, sei lá quantas vezes na vida!

Um abraço
António

citadinokane disse...

Carlos,
Vou guardar com todo carinho a tua lição, ahahaha...
Estarei bem acompanhado com o nosso amigo António.
Abraços de além-mar,
Pedro

Tozé Franco disse...

Olá Carlos.
Eu bem andava desconfiado que as minhas repetições não podiam ser coisa má.
Um abraço.