25 abril 2011

VALERÁ A PENA?


"Poder-se-á perguntar, com aparente pertinência e justificada razão se, agora, com Portugal a viver horas amargas de crise, angústia e incerteza, importaria comemorar Abril.
Na verdade, importará fazê-lo, neste tempo em que os medos reemergiram no nosso quotidiano, em que o regresso da fome, que grassa um pouco por todo o País, acutiladamente nos surpreende e contende, em que obrigados somos a dobrar a cerviz perante os ditames estrangeiros, em que se duvida que haja fundada esperança em melhores dias?"


Extracto do discurso do ex-presidente Ramalho Eanes, proferido no Palácio de Belém, durante as comemorações do 37.º aniversário da Revolução de Abril

1 comentário:

citadinokane disse...

Carlos,
25 de abril é a referência para se lutar contra a lógica do "mercado"... Um outro mundo é possível!
abs